sábado, 28 de novembro de 2015

Confira sobre os artistas e grupos culturais que vão participar da 13ª edição do Festival Cena Brasil

Vem ai o Festival Cena Brasil, em seus 13 Anos de Multiplicidade Cultural, onde o público é convidado a dançar, pensar, aprender e vivenciar a arte em diversas expressões e linguagens. O projeto acontecerá no dia 13 de Dezembro, a partir das 16h, na Praça da Abolição (Praça da Preguiça/Coreto), Carmo, Olinda, onde serão realizados shows num cenário natural em meio a luzes e cores da nossa cultura, onde o público e artistas interagem e exploram a pluralidade e singularidade da nossa tradição, e é neste clima de festa que o festival vem em público divulgar abaixo os perfis das atrações e grupos culturais que irão participar do Cena Brasil 2015.

A COCADA

O grupo A Cocada surgiu como grupo no ano de 2000. Inserido no universo cultural de Olinda e herdeiro da tradição do coco de roda do Amaro Branco, tem por objetivo divulgar o ritmo com alegria e responsabilidade.

Possui seis integrantes que interpretam e tocam simultaneamente variados instrumentos de percussão. As composições, em grandes partes inéditas, falam da vivência de pessoas ligadas ao mar, ao exemplo; dos pescadores e vendedores de peixe dos bairros de Recife e Olinda na Colônia Z4, da natureza, da família e da espiritualidade de um povo que enfrenta dificuldades, mas que não desiste de lutar para sobreviver com dignidade.

Outros ritmos também são tocados pelo grupo, como a ciranda, caboclinho, maracatu e o samba de roda, demonstrando grande riqueza rítmica dos componentes do grupo. Desta forma, o grupo expressa com autenticidade e talento a musicalidade do povo pernambucano tão rico em criatividade e sonoridade ímpares.

JORGE (SEU) RIBA

Músico, Cantor, Compositor e principalmente amante do samba e das artes. Ariano de abril de 65, recifense nascido na Boa Vista e criado no Morro da Conceição, e nas praias de Rio Doce. Com 29 anos de carreira artística dedicada ao desenvolvimento e reconhecimento da cultura afrodescendente no estado de Pernambuco, Jorge Riba foi sócio Fundador dos primeiros afoxés de Recife, e um dos primeiros compositores de musicas para estas agremiações, sendo um dos maiores incentivadores à criação dos blocos afros e afoxés do estado.

Em definitivo como Sambista, Jorge (Seu) Riba vem atuando em palcos e festivais de Recife e Olinda e fora do estado e do país, sendo responsável por rodas de sambas onde se reúnem a tradição da velha guarda com o bom gosto dos amantes do samba de raiz. Jorge Riba, é um dos principais responsáveis pelo movimento de "retorno" ao samba, sócio fundador do Movimento dos Compositores de Samba de Pernambuco, ex-integrante da Mesa de Samba Autoral de Pernambuco "Jorge (Seu) Riba" ou apenas SEU RIBA ou JORGE RIBA, o filho de dona Alzira Ribeiro, manda ver com composições que falam de auto-afirmação como cidadão afrodescendente e amante imensurável das belas coisas da vida.

BETO FERRARI

Músico, compositor, arte-educador. Artista do Olinda, bairro de Peixinhos, com sua trajetória musical desde os anos 80, na efervescência dos festivais universitário, com diversas participações no festival da Universidade católica e da federal, balança coreto e integrante de diversas bandas da época como; Banda do Meio, Plantação, Ave Guerreira, Arunashala, dentre outras.

Vem para essa edição do Cena Brasil com um trabalho acústico tocando um repertório onde ira mesclar composições suas que são tocadas na sua atual banda, (Maktub-PE), mas com um leitura diferenciada e outras o seu arquivo, que serão mostradas e arranjadas para esse evento num formato mais intimista. O repertório contará com uma estimativa de dez músicas neste pocket show. Todas autorais, mais aberto a mandar algumas de nomes consagrados.

YLÊ DE EGBÁ

O Ylê de Egbá show é oriundo da Casa de Matriz Africana Ylê Asé Ayrá Adjáosi, na Comunidade do Alto José do Pinho – Recife/PE tem vinte e nove anos de carreira, ao longo destes anos o Ylê busca representar a cultura pernambucana nacionalmente e internacionalmente está com um novo show, denominado Kizomba, que significa Festa do Povo.

Através de sua musicalidade, dança, indumentária, conta historias dos povos africanos sempre reverenciando sua ancestralidade. O Ylê sempre busca inovar, mostrar a riqueza da cultura afro pernambucana, envolvendo o público com seus ritmos desmistificados, mesclando entre o ijexá, coco, mazuca, samba, maracatu, xote, entre outros ritmos pernambucanos.

BANDA JOANA, FLOR DE MARIA

Formada em meados de agosto de 2013, a Joana, Flor de Maria vem unir a música, poesia, desenho artístico, vídeo e fotografia numa única apresentação, despertando no público o máximo de sensações que a arte pode causar. Com suas influências do Metal à Música Popular Brasileira, o grupo se agrega a uma linguagem tipicamente regional e sempre aberto a novas perspectivas de se criar música.

O grupo segue com a finalidade de expressar sua arte e valorizar a importância do trabalho autoral, buscando sempre fontes distintas da cultura brasileira e também estrangeira, se conectando cada vez mais nesse universo cosmológico musical e audiovisual.

ISAAC SETE CORDAS

O violonista, compositor, arranjador e intérprete Isaac Sete Cordas apresentará no Festival Cena Brasil 2015 o pocket show intitulado "Clave Urbana".

Poucos são os que têm a capacidade de transformar algo tão tradicional como o violão de sete cordas em inovação. Isaac Sete Cordas alarga os horizontes do violão e da música brasileira, nordestina, moderna e de raiz ao colocar seu instrumento como peça central de todo o seu trabalho.

A ligação com o instrumento é tão forte que virou seu nome, mas as sete cordas de Isaac vão muito além de sua utilização comum no nosso Brasil: nos levam a baiões, xotes, coco de roda, emboladas, levadas surpreendentes, tocadas com suingue e por vezes com uma atitude rock. Para quem ainda associa o violão de sete cordas apenas ao samba e ao choro, terá a oportunidade de conferir um monte de associações que este artista faz ao instrumento.

A história do músico não começa agora: em 1980 inicia sua caminhada, enriquecendo a cultura brasileira com sua sensibilidade musical. Nessa estrada já tocou com grandes nomes, a exemplo de Canhoto da Paraíba, venceu festivais, produziu trilhas musicais para filmes (como Arrecife de Desejo, de Jomard Muniz de Britto) e peças teatrais (entre elas O Terceiro Dia, texto de Guimarães Rosa dirigido por Eron Villar), e gravou discos tão diversos entre si quanto sua obra. Vide os instrumentais “Baiandolê” (2001) e “Natureza” (2012), ou a direção musical e trilha sonora do CD de poemas falados “Plataforma Para A Poesia”, de Alberto da Cunha Melo e do CD “Fábrica de Sonhos – poemas falados”, de Luiz Carlos Dias.

GRUPO CULTURAL BRINCANTE POPULAR

Nasceu na cidade do Recife, Pernambuco, Brasil, no dia 19 de fevereiro de 2011 com o objetivo de aprender, ensinar e divulgar os ritmos oriundos do solo pernambucano. Com criatividade e muita alegria, os brincantes se mostram através dos diversos ritmos do rico universo do nosso folclore e espalham uma brasilidade por onde passam.

Dirigido pela etnomusicóloga, arte-educadora, percussionista, compositora e produtora, Drica Souza, o Brincante Popular expressa de forma lúdica o mais simples desta arte tão linda e tão bem ensinada pelos mestres da Cultura Popular Pernambucana. Com uma forte influência do Movimento Armorial, criado por Ariano Suassuna, e costurado ao que mais se aproxima da Comédia Dell’arte, o Brincante Popular insere o público na grande roda para partilhar brincadeiras e alegrias.

Aberto ao novo, abraçamos pessoas de diferentes idades e classes sociais, pois acreditamos que a cultura popular, oriunda do próprio povo, agrega e partilha saberes, além de nos conhecermos enquanto brasileiros. É com Baião, Perré, Guerra, Ijexá, Maracatu, Ciranda, Côco, Xote, Baianá e muita leveza nas mãos, no corpo e no cantar, que os brincantes, através dos seus toques, exibem o seu “brincar”.

Este é o Festival Cena Brasil, sempre com novidades no ar!
Treze anos de festa com grande atitude, multiculturalidade e transformação, o Cena Brasil ousa no estilo, explode nos quesitos de originalidade e marca presença no cenário histórico de Olinda.

Venha fazer parte desta Cena!

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Praça da Preguiça no Carmo recebe a 13ª edição do Festival Cena Brasil


Cena Brasil - Um festival que movimenta várias atrações musicais e ao longo destes 13 anos, dezenas de artistas nacionais e internacionais fizeram deste palco um espaço para divulgar e celebrar a boa música. As inscrições para seleção e participações foram encerradas no final de outubro e o Cena Brasil acontecerá no dia 13 de dezembro, no auge do verão olindense, na Praça da Preguiça - Coreto do Carmo em Olinda. Como de costume, a programação vai além das atrações de palco, onde também teremos desfile de grupos culturais, literatura e poesia dos poetas José Evangelista e Luiz Carlos Dias, vídeos e na mesma noite as seguintes atrações selecionadas:
  • Afoxé Ylê de Egbá (PE)
  • Jorge Riba (PE)
  • A Cocada (PE)
  • Joana, Flor de Maria (PE)
  • Isaac 7 Cordas (PE)
  • Beto Ferrari (PE)
  • Grupo Cultural Brincante Popular (PE)
O projeto Cena Brasil é um festival com múltiplas atividades, onde o público é convidado a dançar, pensar, aprender e vivenciar a arte em diversas expressões e linguagens. Shows com um cenário natural em meio a luzes e cores da nossa cultura; público e artistas interagem com a pluralidade e singularidade da nossa tradição, este é o Festival Cena Brasil.

SERVIÇO: 13º Festival Cena Brasil

Praça da Preguiça (Praça do Coreto), Carmo, Olinda.
Dia: 13 de Dezembro de 2015
A partir das 16h

Informações pelo e-mail cenabrasilolinda@gmail.com


quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Festival Cena Brasil ‪#‎13Anos‬



O Festival Cena Brasil ainda está com as inscrições abertas para as bandas/grupos/artistas que desejam participar da 13ª edição do evento. Os interessados devem enviar o material pelos correios ou sedex até o dia 31 de outubro de 2015, no envelope contendo CD ou DVD, release e portfólio para o seguinte endereço: Rua Maria Lúcia Almeida de Araújo (Guaraná), n° 24, sala 01, Qd. E3, Lt. 24, CEP: 53.370-550, Ouro Preto, Olinda/PE - Brasil.


Fiquem antenados e olhem o regulamento no link abaixo de participação!

Mais informações pelo e-mail do Cena: cenabrasilolinda@gmail.com

O Festival Cena Brasil é um Projeto que aflora diversas atividades em múltiplas expressões, o público incluso vivencia, dança, pensa, aprende e respira as linguagens artísticas.
Cena Brasil junto com você! Arquejando atitude, transformação e multiculturalidade. Entre tantas emoções! Cena Brasil libera estilo, ousa originalidade e explode desenvoltura e presença no cenário histórico de Olinda.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Festival Cena Brasil Edição Especial 2014

Poesia, samba, forró, pop, coco, mostra fotográfica e muito mais estarão no Cena 2014

O Festival Cena Brasil, sempre inovando, realiza sua 12° edição em 2014. Encerrando o ano com chave de ouro, o festival agrega novas ações como mostra fotográfica, exibições de curtas, recitais e apresentações descentralizadas. Com múltiplas atividades culturais e artísticas na periferia de Olinda, o projeto é sempre comprometido e dedicado a momentos artísticos que mostrem ligações da música com a cultura negra, popular e o pop. O Cena Brasil 2014 realizará uma edição especial com muita arte e cultura, nos arredores do Bairro de Ouro Preto, em Olinda. Prestigie e participe da nossa programação, recheada de grande qualidade artística e cultural.

As apresentações artísticas de palco e demais atividades, acontecerão no centro comercial e cultural da comunidade, situado na Av. Argentina Castelo Branco n 48, Ouro Preto, Olinda, no dia 30 de dezembro de 2014, a partir das 16h.

Entre as atrações, acontecerão recitais e performances poéticas, exibições de curtas metragens, transmissão ao vivo pela Rádio Comunitária Diálogos 90.9 FM, mostras musicais com bandas que fazem o Festival Cena Brasil acontecer há 12 anos. O evento terá como atrações a Exposição fotográfica coletiva ‘Carnaval em Foco: Imaginário Coletivo’; apresentações dos artistas Isaac Sete Cordas; Beto Ferrari; os poetas Luiz Carlos Dias e Cristiano Jerônimo; grupo de dança ‘Academia Explosão do Forró’; o sambista Jorge Riba; a banda Zé Lamúria e grupo de Coco.

O Cena Brasil 2014, mais uma vez no combate ao racismo e a discriminação, aborda o tema: “Contra o Racismo e a Intolerância Religiosa”. "Para que a cor da pele, nem mesmo em um delírio, tenha mais valor que o brilho dos olhos". O Cena Brasil 2014 permite atitude, transformação e originalidade, como explica o produtor cultural Edilton Euclides, coordenador geral do evento.

Venha você também fazer parte da CENA!!!

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Cena Brasil divulga a seleção das atrações para o Festival em 2014

Banda COMBO X, Cena Brasil 2013
O Cena Brasil selecionou as atrações que irão participar da 12ª Edição do Festival em 2014. Entre tantos materiais recebidos de artista da terra, de estados vizinhos e até mesmo outros países, não foi fácil chegar a uma escolha com tanta diversidade. Porém, a curadoria do Festival Cena Brasil analisou cautelosamente os materiais e em meio as reuniões com jornalistas, radialistas, músicos e produtores culturais, o Cena Brasil traz pra você, em primeira mão, quem vai participar da festa.

Bandas/Artistas/Grupos escolhidas(os):
  • Tambor da Terra (PE)
  • N’Zambi (PE)
  • Zé Lamuria (PE)
  • Aliados CP (PE)
  • Coco dos Pretos (PE)
  • Marcelo Santana (PE)
  • Mestres do Coco Pernambucano (PE)
  • Rapadura XC (DF/CE)
  • Banda Ogá (PE)
  • Marlevou (PE)
  • Jorge Riba e Encontro de Samba (PE)

Cena Brasil junto com você!
Contra o Racismo e a Intolerância Religiosa.Para que a cor da pele, nem mesmo em um delírio, tenha mais valor que o brilho dos olhos!

Cena Brasil permite atitude, transformação e originalidade.Faça a Cena no cenário histórico de Olinda!


Por: Renata Oliveira.